Primero, controlar lo que uno piensa

LLYC
por
18 Outubro 2012

«Uma coisa é ser mal entendido e ver as suas declarações interpretadas fora do contexto em que foram expressas. Outra, é dizer aquilo que de facto se pensa. E na comunicação, por mais regras que se adoptem, a verdade é como o azeite, vem ao de cima, mais cedo ou mais tarde quem fala em público revela o seu pensamento e as suas intenções. Talvez antes de se pretender controlar o que se diz, aprender a controlar o que se pensa seja o melhor caminho…» Público, diario de referencia en Portugal, reprodujo esta Tribuna de Madalena Martins, Socia Directora de IMAGO LLORENTE & CUENCA, sobre los malentendidos en la comunicación, más en concreto los casos del ministro Miguel Macedo, del consultor del Gobierno António Borges y del candidato americano Mitt Romney.

Explore

Relatório Anual LLYC 2018

Descobre a Revista UNO 31

A (R)EVOLUÃO DO CLIENTE

Accede al nuevo informe de ideas

Los 100 días de piñera

Queremos colaborar consigo

Procura resolver um desafio?

Quer fazer parte da nossa equipa?

Quer que participemos no seu próximo evento?