Transparência como ponto de partida

LLYC
por
14 fevereiro 2014

Desculpe-nos, mas este texto está apenas disponível em Espanhol Europeu, Inglês Americano y Português Europeu. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in this site default language. You may click one of the links to switch the site language to another available language.

A Meios & Publicidade, um dos órgãos de comunicação social de media mais relevantes em Portugal, publicou hoje uma entrevista a José Antonio Llorente e a Carlos Matos sobre os novos desafios na área da Comunicação e a estratégia de expansão da LLORENTE & CUENCA.

Nesta entrevista, José António destaca, entre outras matérias, a importância da transparência como ponto de partida para o sucesso, afirmando que “o mundo ficou mais exigente para as companhias, pessoas e políticos”.

“O mundo transparente não ocorre só ao nível da comunicação. O mais importante é o que se faz. Se há diferenças entre o que se diz e o que se faz, isso fica muito claro no mundo de hoje”, comentou.

No mesmo trabalho publicado pela Meios & Publicidade, Carlos Matos partilha esta opinião, acrescentando que, actualmente, o profissional de Relações Públicas deve saber ouvir todos os stakeholders: “Ouvir é muito importante. Na LLORENTE & CUENCA fazemos a escuta inteligente. Não é ir buscar tudo o que foi dito e ter na secretária um molho de informações. É ter a percepção do que é verdadeiramente importante, quais as fontes credíveis”.

No que diz respeito à actividade da LLORENTE & CUENCA, José António elogiou a forma com as equipas de Portugal e Espanha enfrentaram o ano de 2013, considerando que “tiveram um desempenho muito profissional” quando a conjuntura era muito difícil: “Tivemos de desenvolver novos produtos e iniciativas. O mercado ficou mais fraco, mas nós temos uma oferta maior. Por isso, o negócio conseguiu crescer um pouco”.

Carlos, por seu lado, enalteceu também a importância da constante partilha de “know how” entre as equipas de Lisboa e Madrid, no que considerou ser um trabalho conjunto e decisivo para a conquista de contas multinacionais de grande dimensão.

Carlos confirmou ainda que a grande aposta dos escritórios de Lisboa será a comunicação online e a comunicação de crise, não descurando a comunicação de assuntos públicos, que apresentou grande crescimento ao longo do último ano.

Explore

Relatório Anual LLYC 2018

Descobre a Revista UNO 32

Consumidores e marcas: uma nova era

Accede al nuevo informe de ideas

Los 100 días de piñera

Queremos colaborar com você

Qual o seu desafio?

Quer fazer parte da nossa equipe?

Quer que a LLYC participe do seu próximo evento?